O QUE É O MAPA DA PARTICIPAÇÃO

É uma ferramenta para conhecer territórios através da ação da sociedade civil na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Ele apresenta uma geografia viva e recheada de diferentes tipos de organização, identificando seus principais eixos de trabalho e apresentando informações para quem está procurando se conectar.

PARA QUE SERVE O MAPA?

Com a aplicação dos filtros, você vai acessar as diferentes causas, métodos, coletivos e agendas que estão acontecendo agora, especializadas nas cidades, bairros e favelas da metrópole do Rio. O Mapa da Participação vai te ajudar a entender as tendências regionais e apontar formas de participar e se conectar em redes de ação cidadã perto da sua casa.

CONHEÇA TODOS

ENTRE PARA O MAPA

    Nome da iniciativa

    Endereço

    E-mail

    Municipio

    Tipo da organização

    Tema de atuação

    Tem CNPJ?

    Sua organização luta por qual justiça?

    Descrição da organização

    Seus links na web

    Concordo com a "Política de Privacidade e Uso de Dados"

    EMBAIXADORES DO MAPA DA PARTICIPAÇÃO

    Daniela Lopes

    Constrói a Agenda Caxias 2030 como integrante do Movimenta Caxias. É moradora do Complexo da Mangueirinha, vereadora popular pela Câmara Popular de Duque de Caxias (CAPOP), assistente social e especialista em políticas públicas de enfrentamento à violência contra a mulher pela PUC-RIO.

    Débora Silva

    Integrante da Agenda Belford Roxo 2030 e fundadora e gestora da Ong Sim! Eu Sou do Meio. É professora, graduanda em Serviço Social pela UFRJ, conselheira da Secretaria de Emprego, Renda e Economia Solidária e da Secretaria da Mulher em Belford Roxo.

    Debora Pio

    Cria da Vila Kennedy, doutoranda em Comunicação e Cultura pela UFRJ, pesquisadora do MediaLab.UFRJ, integrante da Casa de Aya e da Agenda Vila Kennedy 2030.

    Douglas Almeida

    É meritiense, economista, mestre em políticas públicas e doutor em Sociologia. Criou a Agenda Nossa Meriti e é secretário-geral do PSB-RJ.

    Elizabeth Arruda

    Integrante da Agenda Itaboraí 2030 e graduanda em Ciências Sociais pela UFF. É co-fundadora do ItaLAB, membro do Fórum de Mulheres Negras de Itaboraí, e bolsista no programa Prosseguir do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades.

    Jennifer Simões

    Uma das fundadoras da Agenda São Gonçalo 2030 e coordenadora geral do coletivo Ressuscita São Gonçalo. É engenheira de produção e engenheira agrícola e ambiental pela UFF. Estudou Meio Ambiente, Sustentabilidade e Urbanismo pela Peking University e na Saxion University of Applied Sciences, Holanda.

    Jessica Alves

    Co-fundadora do Projeto Santa Cruz Universitário e do Instituto Santa Cruz Sustentável e integrante do conselho consultivo da Associação Ser Cidadão. É formada em administração de empresas pela UFRRJ, analista de planejamento e analista de contratos.

    Lennon Medeiros

    Integrante da Agenda Queimados 2030, é realizador cultural e cientista social na UFRRJ. Pesquisa tecnologias sociais na Visão Coop e é ativista por justiça climática. Atualmente está como Conselheiro de Meio Ambiente de Queimados e Conselheiro de Defesa de Direitos Humanos do RJ.

    Marcele Almeida

    Cria de Realengo, produtora cultural, comunicadora e ativista socioambiental. Mestre de cerimônias do Circo Voador, mobilizadora popular na luta pela implementação do Parque Realengo Verde e integrante da Agenda Realengo 2030.

    Patrícia Alves

    Nascida e criada em Japeri, é co-fundadora da Associação Mobiliza Japeri e atual coordenadora administrativa da organização. Uma das criadoras da Agenda Japeri 2030, atua com tema da mobilidade urbana e desenvolvimento sustentável. É formada em Sistema de Informações e coordenou o 1.º Curso de Políticas Públicas da Cidade de Japeri.

    Ramon Soares

    Cria de Magé e morador do 6° Distrito. Formado em informática, é fundador do coletivo Não corte, plante e ajudou a criar a primeira feira comunitária local. Atua com atividades de educação ambiental e integra a presidência da associação de moradores.

    CONHEÇA OUTROS PROJETOS DA CASA

    Fórum Rio

    Sempre em lugar diferente na Região Metropolitana do Rio, o fórum é o evento anual da Casa Fluminense que reúne lideranças sociais, pesquisadores, representantes do poder público e de outras organizações sociais na RMRJ para debater propostas de políticas públicas com foco na redução das desigualdades.

    ACESSE

    Fundo Casa Fluminense

    A partir de três linhas de apoio, o fundo fomenta a atuação de movimentos, coletivos e organizações comunitárias que atuam em ações de mobilização, de monitoramento cidadão, de defesa de direitos e na promoção de soluções locais para os desafios estruturais vivenciados pela população nas periferias da Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

    ACESSE